WE LIKE TO TALK SURF

SO LET'S TALK SURF
The best surf spots in northern Portugal
9 Jul

Os melhores surf spots do Norte de Portugal

Com o aumento da procura de Portugal como destino de surf é natural que mais crowd seja visível nas nossas águas. E ninguém gosta de surfar com a preocupação permanente de evitar ser atropelado por uma prancha, sobretudo quando alguns dos maiores motivos para surfar é relaxar e divertir. Talvez por isso que nos últimos anos os surfistas estrangeiros começaram a procurar locais menos massificados que os spots mais conhecidos- Algarve, Carcavelos, Ericeira ou Peniche. Neste cenário, o norte de Portugal tem-se afirmado como excelente alternativa, capazes de aliar surf de elevada qualidade com a oportunidade de descobrir cidades com um património natural e cultural únicos, sendo a cidade do Porto a representante natural da região.

Praias mais ou menos urbanas, beach breaks / point breaks e spots adequados aos diferentes níveis de surf, eis a nossa seleção de surf spots a não perder na região norte e centro de Portugal:

– Moledo do Minho: O rio Minho, fronteira entre Portugal e Espanha, forma um banco de areia que origina boas esquerdas, embora por vezes com fortes correntes. Praia calma e com paisagem agradável. Fica a 100 km a norte do Porto.

– Afife (praia da Arda): É destino de surfistas e windsurfistas desde o final dos anos 70, sobretudo devido às ondas de qualidade e aos ventos fortes que por vezes se fazem sentir. Fica a 85 kms a norte do Porto e perto de Viana do Castelo.

– Matosinhos (praia Internacional): é a praia do Porto, perto do Parque da Cidade, com uma excelente marginal. Local popular para surfistas iniciantes e com muitas escolas de surf.

– Espinho (praia da Baía): A direita do Casino é uma das ondas mais populares do norte de Portugal- uma onda tubular com várias secções. Para sul há mais ondas para descobrir junto ao bairro dos pescadores. Desde 2014 que é palco de uma das etapas europeias do Pro Junior da World Surf League. Sentimo-nos privilegiados por ter a nossa casa aqui!

– Esmoriz, Cortegaça e arredores: Nesta zona existem diversos picos, acessíveis a todo o tipo de praticantes da modalidade. É uma área com poucos surfistas locais, paisagens únicas e ondas de qualidade. De resto, Cortegaça foi considerada pelo Evening Times (edição online de 16 agosto 2013) como o 2º melhor destino de surf do mundo, atrás de Oahu (Hawai) e à frente de Califórnia (EUA), Durban (África do Sul), etc. Tanto em Espinho como nesta área, sendo zonas próximas do Porto e de fácil e rápido acesso, uma visita a esta magnífica cidade torna-se quase obrigatória.

– Aveiro (praia da Barra): é uma praia extensa e está protegida por um pontão a norte. Tem vários picos e é acessível a todo o tipo de praticantes da modalidade. Não percas a oportunidade de visitar Aveiro, conhecida como a Veneza portuguesa.

1 Response

Leave a Reply